MENSAGENS PARA A GERAÇÃO DOS ÚLTIMOS DIAS

Blog com mensagens e artigos diferentes sobre Deus e a Bíblia

Humanidade – O Tempo Ruim Já Passou, o Melhor Período Foi Agora e o Pior Está Por Vir

*****

Artes

De repente, há 50 anos, a humanidade salta de um período de obscuridade cultural e tecnológica para a mais inimaginável era da computação, do cinema, da música e das artes, que nem os melhores filmes de ficção científica conseguiram prever. Que o digam os filmes “2001: Uma Odisseia no Espaço”, de 1968, e “No Mundo de 2020”, de 1973.

Eu nasci exatamente no começo do auge da expansão da cultura, da arte e da tecnologia humana, ano de 1970. Quem nasceu nesse período experimentou e está experimentando o melhor já criado e inventado pela civilização humana.

Os maiores e melhores gênios das artes, do teatro, do cinema (como Charles Chaplin), da música e da Ciência já existiram, mas infelizmente a maioria já morreu. Será difícil haver no futuro um período com gênios da música e do cinema iguais aos que existiram no século XX. Eles foram os pioneiros, mas foram os melhores. Os que vierem mais na frente serão artificiais e meramente imitadores.

As músicas mais belas do mundo já foram produzidas, tantos as eruditas como as bregas. Você pode encontrar música sobre qualquer tema ou assunto. Os melhores filmes sobre todos os gêneros já foram produzidos, principalmente os de tema bíblico, histórico e épico.

Você já tinha ouvido a música do link, abaixo? Acredito que não.

http://minhateca.com.br/TudoOrganizadoMLS/FILMES+FULL+HD/TERROR+*26+SUSPENSE+%2819xx-1980%29/CASA+DO+TERROR+-+Hammer+House+of+Horror+%281980%29+HD720p+Leg/Theme+Music+Hammer+House+of+Horror,474831742.mp3%28audio%29

*****

A MÚSICA

Música

O melhor período da música nacional e internacional já aconteceu, desde os anos de 1960/1970 até meados de 2005. Os melhores artistas da música já morreram e outros ainda estão vivos, mas não produzem mais músicas como antes. Os grandes artistas atuais – tanto da MPB como gospel/religiosos – não produzem músicas com arte, com poesia e melodias que tocam o coração. As letras das músicas atuais são feitas de frases do cotidiano, corriqueiras, principalmente as sertanejas. Os ritmos mais apreciados pelos brasileiros atualmente são os vulgares, como funk, forró eletrônico, Axé e brega/sertanejo universitário. Do outro lado, os jovens de classe média/alta e os emos valorizam o Rock pesado, o Hard Rock, Have Metal, principalmente aquelas bandas de rock alucinante, que ninguém sabe o que diz as letras das músicas. O que importa é o barulho ensurdecedor das guitarras. O velho e bom rock de Elvis Presley não serve para a geração atual. E o rock dos anos 80 ficou ultrapassado. Pergunte a um jovem atual qual sua banda de rock preferida. Ele vai citar uma banda americana de rock pesado.

A maioria das bandas de rock faz apologia ao satanismo, com a mão-chifrada, à rebeldia e a promiscuidade. Por isso muitos afirmam que o rock foi inventado pelo Diabo. E tenho certeza que o rock foi incutido na vida dos músicos por inspiração satânica. A música de rock não pode ter vinda da parte do Deus da Bíblia.

Tem uma lista de variantes do rock pesado que achei na internet. As bandas de rock citadas são verdadeiras. Veja:

Tipos de Rock: Rockabilly (Crazy Legs), Rock progressivo (Pink Floyd), Psicodelismo (The Doors), Blues Rock (Jimi Hendrix), Hard Rock (AC/DC), punk rock (Ramones), Heavy Metal (Black Sabbath), Thrash Metal (Slayer), Death Metal (Possessed), Black Metal (Venom), Gothic Metal (Lacrimosa), Doom Metal (Candlemass), Gothic Rock (Evanescence), New Metal (Korn), Hardcore (Ratos de Porão), Grindcore (Napalm Death), EMO core (Simple Plan), Power Metal (Exciter), Heavy tradicional (Iron Maiden), prog metal (Dream Theater), Country rock (Creedence), rock alternativo (Foo Fighters), Grunge (Nirvana), Metal melódico (Stratovarius).Há bandas que não admitem nenhuma rotulação, apenas rock and roll, como o Motorhead, pop rock (Oasis), pop punk (Blink182), Thrash/core (Questions), Speed Metal (Nuclear Assault), Mosh (Anthrax), Viking Metal (Enslaved), folk metal (Tuatha de Danan).

No meio evangélico, de uns anos para cá a música gospel tomou um novo rumo. Músicas com letras que falam só sobre “triunfalismo” (pisar no diabo, derrotar o diabo, acabar com a miséria e a pobreza), e outras com letras de “determinismo”, determinando vitórias financeiras, curas, fazendo profetadas sobre a vida dos crentes, sempre para o melhor, sempre para a prosperidade. E tudo isso associados aos ritmos profanos, como o forró pé-de-serra e ritmos mais agitados. O verdadeiro profeta de Deus fala mais coisas ruins do que coisas boas sobre as pessoas. Eis os profetas bíblicos como exemplos.

Na Bíblia existem 150 salmos, a maioria escrita pelo rei Davi. Mas a poesia desses cânticos em nada se compara aos poemas produzidos pelos artistas evangélicos atuais. Nos salmos de Davi, os seus inimigos eram os seres humanos perversos, que por inveja tentavam destruí-lo. Atualmente as letras das músicas gospel tratam mais sobre uma luta espiritual contra um inimigo invisível, o Diabo e seus anjos. Ou seja, a música perde sua essência ao tratar só desses temas de triunfalismo e determinismo. Cadê a arte? Cadê a verdadeira poesia? Os artistas gospels atuais não produzem arte para que fique registrada na história.

Na MPB, como na maior parte do meio gospel, os artistas se preocupam em produzir músicas para que o CD alcance grande vendagem, e que atraia um grande público para os shows. Não importa se a letra da música tem poesia, ou se tem arte. Basta escrever umas frases e inventar uma melodia bacana… Se a música cair nas graças do povão, aí ela vira hit nacional e internacional, como aquela música de Michel Teló, “Ai Se Eu Te Pego”, que é uma verdadeira porcaria.

Daqui para frente, a tendência da arte musical é piorar. A não ser que surja de repente uma nova fase ou era de produções musicais, onde a maioria do povo brasileiro mude de gosto, e deixe de consumir esses lixos musicais produzidos pelos artistas atuais.

Do jeito que vai, só mesmo regravando os grandes sucessos musicais dos anos 70/80/90, para voltar a apreciar o melhor da arte musical.

******

O CINEMA

Cinema

O grande destaque das artes humanas vai para o cinema.

Com o lançamento da Televisão Colorida no início da década de 1970 o cinema mundial tomou nova dimensão. Parece que a invenção da TV colorida aguçou o apetite dos cineastas em produzir filmes de todos os gêneros. Mas isso era óbvio. Quem não gostaria de registrar e ver na TV as coisas em cores vivas e coloridas?

O problema é que a arte do cinema atual, associada à tecnologia da computação, está destruindo a beleza e naturalidade/originalidade dos filmes.

Os cineastas dos grandes filmes atuais, superproduções de longa metragem, inclusive épicas, estão se utilizando de muitos truques e efeitos especiais da computação, tirando a realidade verdadeira tanto dos personagens (atores), quanto dos cenários. Quem sofre mais com essas maquiagens da computação são os filmes épicos. Não se filmam mais com naturalidade, com atores reais, em cenários reais; tudo é retocado com ações impossíveis dos atores e cenários irreais. Com isso, a verdadeira arte do cinema perde a graça.

A única vantagem da tecnologia atual associada ao cinema é a produção de filmes em 3D. O resto é tudo artificial, nada natural.

Para desfrutar da verdadeira arte do cinema, o jeito é voltar a rever os grandes clássicos do cinema nacional e internacional. Meus filhos, em casa, só gostam de assistir esses filmes atuais, de fantasias e cenários irreais. Mas tenho mostrado a eles a verdadeira arte do cinema com uma coleção de mais de mil filmes em full HD que eles podem assistir na TV Digital. De vez em quando ponho um filme antigo para assistirem, mas eles reclamam. Só quando o filme antigo é de comédia, aí eles se interessam. Filmes históricos e bíblicos eles detestam. Mas vou incutindo aos poucos a importância de assistir os grandes filmes antigos.

Quem quiser ver alguns filmes que coleciono, acesse o seguinte link. Tenho bastantes filmes antigos que pretendo postar, mas a minha internet ainda está um pouco lenta para fazer o upload de tantos filmes. Com a velocidade que está a internet isso vai levar uns cinco anos até postar os principais filmes da minha coleção.

http://minhateca.com.br/TudoOrganizadoMLS

Os maiores e melhores gênios das artes, do teatro, do cinema (como Charles Chaplin), da música e da Ciência já existiram, mas infelizmente a maioria já morreu. Será difícil haver no futuro um período com gênios da música e do cinema iguais aos que existiram no século XX. Eles foram os pioneiros, mas foram os melhores. Os que vierem mais na frente serão artificiais e meramente imitadores.

*****

AS CIÊNCIAS  E A TECNOLOGIA

Tecnologia

Tenho pouco para falar sobre Ciência e Tecnologia. Só quero destacar a ciência da Nanotecnologia que num futuro próximo irá desfigurar totalmente a mente humana. Os cientistas produzirão mini chips de memórias capazes de funcionar acoplados ao cérebro humano, tornando os humanos com supercérebros.

E não é somente isso. Tem a ciência da clonagem de seres vivos e alterações genéticas, para produzir seres vivos mais fortes ou mais imunes às doenças. Só que tudo isso pode ocasionar outros males nas próximas gerações, pessoas nascendo com anomalias e alterações de comportamento. Ou seja, o homem tentando melhorar o ser humano criado por Deus, terminará em desfigura-lo completamente, criando mutações genéticas e seres monstruosos.

É certo que com os erros os cientistas aprendem. Mas, porque mexer naquilo que está certo, que está bom? Não, o homem não está bom. Ele precisa ser aperfeiçoado, afirmam os cientistas malucos. Precisamos tornar o homem imune às doenças, precisamos melhor a genética humana de forma que ela nunca desenvolva o câncer. E por aí vai a loucura humana.

Tudo o que acontece de ruim ao ser humano é fruto do pecado e da desobediência. Se o preceito bíblico, que é sábio, diz para o homem não comer isso ou aquilo, e ele come, então é óbvio que ele irá sofrer as consequências, que são as doenças.

O povo japonês tem um histórico de vida longeva, porque eles têm bons hábitos alimentares, consumindo mais produtos naturais do que os industrializados. Já o homem moderno atual quer ter saúde, mas quer comer tudo o que puserem à sua frente. Será que isso um dia dará certo?

O homem de vida promíscua quer desfrutar do prazer do sexo usando camisinha para não se contaminar com as doenças, mas um dia ele se dá mal. O homem, para desfrutar do melhor dos alimentos, toma remédios farmacêuticos para eliminar as gorduras, o colesterol e os triglicerídeos. Com isso, conclui-se que a causa das doenças é fruto da desobediência, da gula e dos prazeres pecaminosos do próprio homem. Mas os cientistas não se dão por convencidos, e eles buscarão uma forma de tornar o ser humano imune a todas as doenças. Aí esse novo homem poderá praticar sexo à vontade, até com os animais, e comer de tudo o que sua gula e o seu dinheiro lhe proporcionar.

Daqui para frente, a tendência é piorar a genética humana. Os cientistas estão aí, dia e noite, financiados pelos governos para produzir suas descobertas científicas para melhoria da vida humana.

Alguns teóricos da conspiração dizem na internet que o bilionário Bill Gates está patrocinando em vários países do mundo, inclusive aqui no Brasil, a produção de mosquitos aedes aegypti geneticamente modificados para serem espalhados nos locais onde há infestação dos mesmos, os quais são responsáveis pela proliferação do vírus da dengue e do Zica Vírus. Os mosquitos geneticamente modificados fariam com que diminuísse o nascimento de mais mosquitos, de forma a extingui-los. Eles acreditam que esse mosquito aedes aegypti geneticamente modificado criou uma forma mutante do Zica Vírus, e este está afetando os cérebros dos bebês. Afirmam que o Zica Vírus sempre existiu na África e em vários países, mas nunca o mesmo havia causado esse surto de microcefalia.

Uma coisa é certa. A tendência é piorar a vida da população menos favorecida com essas experiências genéticas feitas pelos cientistas com apoio dos governos e da ONU.

Poderia falar sobre bomba atômica, corrida espacial, o colapso do Capitalismo e a esperança no Socialismo. Mas o que queria falar era mais sobre a música e o cinema.

Você, jovem que nasceu no início do século XXI (ano 2001), não viu e não presenciou o melhor da arte e da cultura humana. Se tiver interesse, você pode voltar no tempo para rever as músicas e o cinema do século passado. A arte do cinema produzido atualmente é artificial, é toda maquiada com efeitos de computação, tanto as ações dos atores, como os cenários.

Apesar de o cinema antigo ter imagens ruins, mas as filmagens eram mais reais, os efeitos e os cenários eram naturais.

Quer ver um verdadeiro filme de terror (que atualmente chamam esses filmes de “thrash”)? Procure na internet o filme “A Invasão das Rãs” ou Frogs, de 1972. Esse filme é uma maravilha, com cenário natural, lago, floresta, animais peçonhentos e repugnantes reais. Tenho este filme no meu acervo em full HD, colorido e dublado. Em breve irei postá-lo no meu acervo, no minhateca.

http://minhateca.com.br/TudoOrganizadoMLS

Quer ver um filme verdadeiro de artes marciais? Assista aos filmes de Bruce Lee e os filmes mais antigos de Jackie Chan.

*******************************

Miquels7 – Manaus, 08/02/2015

Anúncios

09/02/2016 - Posted by | CIÊNCIA & TECNOLOGIA, CULTURA, MÚSICA CRISTÃ PURA | , , ,

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: